Igreja Matriz de Bustelo Igreja Matriz de Bustelo 40.999557, -8.017100

Igreja Matriz de Bustelo

Partilhar no Facebook Partilhar no Twitter Partilhar no Google +

Bustelo começou por ser vila no sentido de fundo agrário romano, continuando na Idade Média no sentido administrativo. Em 1118 foi emitida carta de foral, com vista à povoação desta “villa” rústica, por D. Teresa e Múnio Froiaz.

Pertenceu ao concelho de Ferreiros de Tendais até à sua extinção em 1855, passando depois a integrar o concelho de Cinfães.

A Igreja é um templo modesto, construído com grandes blocos de granito, com torre sineira adossada à esquerda.

No adro, ainda hoje estão duas arcas tumulares antropomórficas, que parecem pertencer ao culto cristão na época da monarquia suevo-visigótica.

O interior do templo é simples, embelezado pelas imagens de São João Baptista e Nossa Senhora de Fátima no altar-mor e Sagrado Coração de Jesus, Menino Jesus, Santa Bárbara e Santo António, Senhora do Rosário, Santa Teresa, São José e São Sebastião nos altares laterais.

No adro da Igreja guardam-se duas arcas tumulares antropomórficas, uma delas com uma doble cruz nas extremidades e ao centro uma figura humana apenas delineada e posta de frente, flanqueada por duas cruzes de pontas em leque até fecharem em círculo.
 

Palavras-chave :
821